Dia 04.12, às 09h da manhã na praia de Ipanema/RJ, o movimento Vai Ter Gorda realizou um ato contra a Gordofobia em apoio a uma das integrantes do movimento Juliana Camilo e a atriz Cacau Protásio, que sofreram discriminação por serem mulheres gordas e negras.

Logo após o ato, a coordenadora do Movimento Vai Ter Gorda, Adriana Santos, irá participar de uma audiência pública no Fórum sobre o constrangimento que Juliana Camilo sofreu dentro do transporte público em Belford Roxo, pela falta de acessibilidade. A advogada que está acompanhando o processo é a Dra Letícia Delmindo.
Acreditarmos que o processo ocorrerá de maneira muito positiva para a causa contra a gordofobia.

O Movimento Vai Ter Gorda existe desde Janeiro de 2016 e incentiva ações que valorizam a mulher gorda na sociedade. Atingindo pessoas gordas, com baixa autoestima e que muitas vezes são invisibilizadas pela nossa sociedade.

É extremamente importante a causa e a representatividade do Vai Ter Gorda chegar em outras mulheres gordas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.