O município de Gandu, no sul da Bahia, registra grande crescimento de casos da Covid-19 nos últimos dias. De acordo com o boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), nesta terça-feira (7), a cidade tem o maior coeficiente de incidência de casos da doença por 100 mil habitantes em toda Bahia.

Nesta terça-feira (7), o prefeito da cidade, Leonardo Cardoso, prorrogou o “lockdown”, que significa a proibição das atividades não essenciais e circulação de pessoas e veículos. A medida está em vigor desde o dia 2 deste mês e vale até o sábado (11).

Na última segunda-feira (6), Gandu contabilizou 54 casos novos do coronavírus. No total, de acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura da cidade, foram contabilizadas 773 pessoas contaminadas pela Covid-19, com 456 curadas e 14 mortes. O município ainda tem 303 casos ativos, que são pacientes infectados que ainda podem transmitir o vírus para outra pessoa.

“A gente tem a curva de contaminação que ainda é uma crescente. Isso é reflexo de duas semanas atrás, talvez a semana do São João. A janela imunológica, o aparecimento dos sintomas, leva de sete a 15 dias. O efeito de ontem, que ultrapassou 50 casos, foram coletas de pessoas que tiveram contaminação há duas semanas. Agora, o lockdown, a medida que está sendo abraçada, vai ter efeito daqui a uma ou duas semanas”, explicou o prefeito Leonardo Cardoso durante transmissão na internet nesta terça-feira.

Durante o “lockdown” em Gandu, os únicos estabelecimentos com funcionamento permitido são farmácias, clínicas médicas, laboratórios, postos de combustíveis e serviços de delivery. Carros oficiais e de urgência e emergência também têm liberação para circulação.

“A medida está dando certo, está fluindo, dando efeito. É necessário se aproveitar esses três dias a mais, completar dez dias, e ter mais efeitos positivos lá na frente e derrubarmos com mais velocidade a curva de contaminação. […] Gandu tem tido contaminação frequente e acelerada. Ainda temos número grande de atendimento diário. Lockdown é para barrar velocidade de contaminação e que a gente não tenha muitas pessoas doentes. Graças a Deus a comunidade tem abraçado essa medida”, disse o prefeito.

A cidade também segue com o toque de recolher, em vigor desde o dia 4 de junho. A medida proíbe, das 19h às 5h, a circulação de pessoas e veículos nas ruas, exceto quem esteja a serviço e em casos de emergência.

Retomada da economia
O prefeito de Gandu também anunciou que, com o encerramento do lockdown, no sábado, a cidade vai retomar, gradualmente, a reabertura da economia. De acordo com o planejamento da gestão da cidade, ficou determinado a retomada dos seguintes estabelecimentos:

Domingo (12) – caixas eletrônicos;
Segunda-feira (13) – agências bancárias, lotéricas e firmas de Cacau;
Terça-feira (14) – supermercados, mercados, hortifrútis, açougues, padarias e panificadoras;
Quarta-feira (15) – demais serviços essenciais: farmácias e drogarias, clínicas odontomédicas, consultórios veterinários, laboratórios clínicos, casa de ração ou insumos de uso animal, loja de sementes, fertilizantes ou insumos agrícolas, casas de autopeças, borracharias, oficinas mecânicas.;
Quinta-feira (16) – primeiro bloco do comércio não essencial (não especificado), das 8h às 18;
Sexta-feira (17) – segundo bloco do comércio não essencial (não especificado), das 8h Pas 18h;
Sábado (18) – funcionamento exclusivo de serviço essenciais;
A partir da segunda-feira (20) – atividades essenciais e não essenciais. Blocos 1 e de 2 de serviços não essenciais operam em horário alternado.
“Esse plano foi pensado para buscar oxigenação do comércio local depois de um período longo de lockdown. Busca abrir de maneira responsável. Por isso, abre-se de maneira gradual para, aos poucos, as pessoas que tiveram serviços interrompidos… A gente vai tendo uma gradual circulação de pessoas nas ruas”, conclui o prefeito. (G1/BA)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.