O estado do Amazonas vai transferir pacientes que estão se tratando da Covid-19 a outros estados. As medidas foram anunciadas nesta quinta-feira, 14, pelo governador Wilson Lima (PSC), em um momento que o estado passa por uma crise pelo crescimento de infectados com o coronavírus e a falta de leitos.

Em Goiás, o Hospital Estadual de Urgências de Goiânia Dr. Valdemiro Cruz (Hugo) e o Hospital Estadual Geral de Goiânia Dr. Alberto Rassi (HGG) vão receber pacientes. Depois, será a vez de Piauí, Maranhão, Paraíba e Rio Grande do Norte, além do Distrito Federal.

A data e a ordem dessas transferências ainda não foram divulgadas pelo governo amazonense. Segundo o secretário de Atenção Especializada em Saúde do Ministério da Saúde, coronel Franco Duarte, os pacientes transferidos têm estado clínico considerado moderado. Eles ainda dependem de oxigênio, mas podem ser aerotransportados com “toda segurança”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.