Prefeitos dos municípios da Região Metropolitana de Salvador participaram, nesta quinta-feira (16), de uma reunião com deliberações visando a reabertura do comércio de suas localidades. O encontro ocorreu no Centro Administrativo de Lauro de Freitas (CALF), e logo após houve uma Coletiva à Imprensa online, no Facebook da Prefeitura de Lauro de Freitas.

Um dos participantes foi o prefeito de Madre de Deus, Jailton Santana (PTB).  Algumas decisões foram tomadas. Como a reabertura do comércio das cidades de forma conjunta.Está definido que as cidades terão seus comércios abertos simultaneamente, condicionando à oferta de 25 % de vagas de leitos de UTI na RMS para pacientes da covid-19.

Depois de decisões dos gestores e o decreto do governador com o toque de recolher, caiu em 9% o número de ocupação de leitos de UTI na capital. E Hoje o índice é  de 77% da ocupação de leitos na RMS e de 78% no estado. A expectativa é de queda para 75% para o início da reabertura do  comércio nas cidades da RMS, cumprindo todos os protocolos de segurança para o combate ao covide 19. A meta, portanto, é a disponibilidade de 25 % de leitos de UTI vagos.

Jailton Santana também elencou que umas das decisões do encontro foi a solicitação de um audiência com o governador Rui Costa (PT) para a discussão da reabertura do comércio nas cidades da Região Metropolitana de Salvador e a solicitação de mais vagas de leitos de UTI na RMS. Os gestores entendem que a reunião deve ocorrer, no máximo, até o dia 18, devido ao fim do decreto do toque de recolher. Assim como a necessidade de discussão se será prorrogado ou não. Caso haja um novo decreto, a orientação dos gestores municipais é pela liberação da prática de delivery durante todo o dia.

Também serão realizadas oficinas entre as gestões municipais para unificar, de forma emergencial, os protocolos para a reabertura do comércio. Os protocolos serão unificados nas linhas gerais, mas cada município terá suas especificidades. ´

Já aconteceram duas reuniões dos gestores no combate à pandemia da covid-19. A primeira foi em Camaçari e a segunda em Simões Filho.  

O Governo do Estado está apoiando a iniciativa e mantendo os gestores informados das medidas que estão sendo feitas para garantir mais vagas de UTI’s.

Participaram da reunião também, Dr. Breno, de São Sebastião do Passé, Moema Gramacho, de Lauro de Freitas, Dinha Tolentino, de Simões Filho, Antônio Elinaldo, de Camaçari, e Jussara Márcia, de Dias D’Ávila.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.