Mesmo proibidas desde 2011 após a Justiça acatar um pedido do Ministério Público (MP-BA), a guerra de espadas em Cruz das Almas segue resistindo ao tempo e desafiando as autoridades em meio a pandemia do novo coronavírus, causador da Covid-19.

Nas imagens enviadas ao Forte na Notícia, dezenas de pessoas aparecem sem máscara de proteção enquanto assistem de longe a queima do artefato na rua principal da bairro da Tabela, na noite deste domingo, 21. No centro da batalha estão os espadeiros que sem qualquer tipo de proteção colocam a vida em risco para manter viva a tradição que atravessa gerações e divide opiniões.

“Gostando ou não, quem mora aqui tem ficar calado e esperar esse período passar”, disse um morador que prefere não se identificar. Até o fechamento dessa reportagem não havia informações sobre número de queimados ou lesionados.

Informações: Forte na Notícia – por Murilo Andrade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.