Uma família foi feita refém na Rua do Boqueirão, no bairro da Santa Cruz, em Salvador, na noite desta segunda-feira (8). Ninguém ficou ferido. A família foi liberada após cerca de duas horas.

A situação aconteceu após uma operação da Polícia Militar pelo bairro. Por meio de nota, a PM informou que fazia incursões no Largo do Areal, quando encontrou suspeitos armados.

Segundo a PM, houve troca de tiros no local e dois homens foram atingidos. Eles chegaram a ser socorridos pelos policiais para o Hospital Geral do Estado, mas não resistiram. Com eles, a PM informou ter encontrado armas e drogas.

Outros três homens que também faziam parte do grupo correram e invadiram uma casa, onde fizeram uma família refém. Não há detalhes de quantas pessoas estavam na residência.

Uma equipe do Batalhão de Operações Especiais foi acionada para fazer a negociação, que terminou sem vítimas. Os suspeitos se entregaram e foram levados para uma delegacia.

Não é a primeira vez que suspeitos fazem famílias reféns no bairro da Santa Cruz. Nos meses de maio e agosto do ano passado, situações similares aconteceram no bairro, uma delas também após operação no Largo do Areal.

No caso de maio de 2019, os reféns chegaram a ficar por mais de três horas com os suspeitos. Já no de agosto, um policial foi baleado durante a ação. (G1/BA)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.