Plantas aquáticas conhecidas como baronesas se acumularam na areia da praia de Buraquinho, em Lauro de Freitas, na região metropolitana de Salvador.

A situação foi registrada por um morador da região, nesta semana, que mostrou as plantas na areia da praia e informou que a situação segue até o bairro de Vilas do Atlântico. As baronesas se alimentam de matéria orgânica dos esgotos, o que alerta alerta para poluição no local.

Não há detalhes do que tenha causado o acúmulo das baronesas, mas a situação, conforme informou a prefeitura de Lauro de Freitas, é comum nesse período do ano. As baronesas podem ter sido arrastadas para a areia da praia, por causa do aumento no volume de chuvas na região metropolitana.

As praias de Lauro de Freitas estão interditadas por causa do decreto com medidas de combate ao coronavírus. Apesar das pessoas não estarem indo à praia, os moradores aguardam a limpeza. Não há detalhes de quando a limpeza será feita.

Fonte: TV Bahia e G1 BA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.