O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins (MDB), decidiu tomar uma atitude inexplicável aos olhos de quem cobre política na cidade. Ele cortou em metade o salário dos professores da rede municipal de Feira.

De acordo com o que contou a diretora da APLB Feira, Marlede Oliveira, ao site Acorda Cidade, alguns docentes tiveram redução de até 70%.

“Quando os trabalhadores em educação acessaram seus contracheques via internet perceberam a retirada de até 70% dos seus vencimentos. Neste sentido quero dizer que o prefeito Colbert esteve na semana passada no programa Acorda Cidade para falar sobre um decreto que publicou dizendo que iria tirar 20% do salário dele, 15% dos secretários e 13% dos cargos de confiança. Inclusive eu tinha enviado um áudio para o programa questionando que o prefeito tinha dito, no Facebook dele, que poderia tirar 10% dos trabalhadores em educação, mas não publicou nenhum decreto sobre isso. Foi uma rasteira que o prefeito deu na classe trabalhadora. Não vamos aceitar”, disse Marlede.

Com a palavra, Colbert.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.