O cantor e compositor Moraes Moreira, de 72 anos, morreu, na manhã desta segunda-feira (13), em sua casa no bairro da Gávea, no Rio de Janeiro. De acordo com a família do artista, ainda não se sabe a causa da morte.

Moraes, um dos mais importantes artistas da música brasileira, autor de “Sintonia” e “Pombo Correio”, nasceu Antônio Carlos Moreira Pires na cidade baiana de Ituaçu. Moraes começou a carreira tocando sanfona em festas de São João. Na adolescência, aprendeu a tocar violão enquanto estudava em Caculé. Depois, mudou-se para Salvador e conheceu Tom Zé. Formou, ao lado de Baby Consuelo, Pepeu Gomes, Paulinho Boca de Cantor e Luiz Galvão o grupo Novos Baianos, entre os anos de 1969 e 1975.

Moraes Moreira deixa uma história de muitos sucessos e atuação importante no Carnaval de Salvador, onde é considerado o primeiro cantor de trio-elétrico. Há alguns dias, o artista publicou, em seu perfil no Instagram, um cordel inspirado na pandemia do novo coronavírus e na quarentena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.