Em meio a pandemia de coronavírus, os craques do futebol, Cristiano Ronaldo, da Juventus, Lionel Messi, do Barcelona e o treinador Pep Guardiola, do Manchester City, decidiram nesta terça-feira (24) se juntar e fizerem doações milionárias para hospitais.

O atacante Cristiano e seu empresário Jorge Mendes, doaram 35 leitos de unidades para tratamento intensivo a dois hospitais das cidade portuguesas Lisboa e Porto. Também, doarão 15 leitos ao Hospital Geral de Santo Antônio do centro hospitalar universitário do Porto, no norte de Portugal.

Na estrutura, incluem camas, respiradores e monitores cardíacos que serão doados dez para cada Centro Hospitalar Universitário Lisboa Norte (CHULN).CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Já Lionel Messi, doou 1 milhão de euros (cerca de 5,4 milhões de reais) a ao Hospital Clinic de Barcelona e a um hospital argentino, segundo informações do diário catalão Mundo Deportivo.

O treinador Pep Guardiola também doou 1 milhão de euros mas foi  para a Fundação Ángel Soler Daniel, que administra a Faculdade de Medicina de Barcelona. A contribuição é para auxiliar na compra e produção de materiais e equipamentos de saúde. Além de servir para financiar a produção de respiradores e outros elementos de proteção para os profissionais de saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.