A décima quinta Policlínica Regional de Saúde do Estado, primeira da Região Metropolitana de Salvador, foi inaugurada pelo governador Rui Costa nesta sexta-feira (29), em Simões Filho. A partir de segunda-feira (2), serviços ambulatoriais especializados e exames de alta complexidade estarão à disposição para os cerca de 785 mil baianos que moram nos municípios de Camaçari, Conde, Dias D’Ávila, Lauro de Freitas, Mata de São João e Simões Filho.

Rui também entregou oito ambulâncias, cinco micro-ônibus e um Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), anexo à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no município. O ato contou com a presença de diversas autoridades politicas entre elas, o Prefeito de Simões Filho Díogenes Tolentino (MDB), vereadores da cidade.

De acordo com o governador, a melhor política pública de saúde é a prevenção e o diagnóstico precoce. “Saúde é quando a população é saudável, ou não tem doença, ou descobre a doença cedo, a tempo de tratar. É isso que eu quero que a população faça, procure os postos de saúde. Os exames necessários serão solicitados pelo médico e o município vai marcar esses exames e levar os pacientes, sem filas, no micro-ônibus, para fazerem os procedimentos na Policlínica”, explicou.

Para a presidente do consórcio e prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, as policlínicas estão dando resolutividade e proporcionando economia para os municípios. “As prefeituras não têm condição de adquirir e manter, sozinhas, equipamentos de alta tecnologia, como tomógrafos e aparelhos de ressonância magnética. Além da aquisição dos equipamentos, o Governo do Estado ainda ajuda no custeio. As 14 policlínicas que já estão atendendo os consórcios acabaram com os problemas das filas e dos exames que não eram encontrados. Com essa aqui não vai ser diferente”.

A unidade possui equipamentos modernos

Estrutura e especialidades 

Com investimento superior a R$ 20 milhões, entre obras, equipamentos e micro-ônibus, a nova Policlínica Regional de Saúde foi instalada em um prédio onde funcionava outro órgão do Governo do Estado. Na unidade irão trabalhar 106 profissionais. São médicos, enfermeiros, psicólogo, farmacêutico, nutricionista, ouvidor, assessores técnicos, assistente social, técnicos em enfermagem, técnicos em radiologia e assistentes administrativos.

No edifício de três pavimentos, os pacientes terão acesso a uma variedade de especialidades médicas, a exemplo de angiologia, cardiologia, endocrinologia, gastrenterologia, neurologia, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ginecologia/obstetrícia, mastologia e urologia. Também serão oferecidos diversos exames, como ressonância magnética, tomografia, mamografia, ultrassonografia com doppler, ecocardiografia, ergometria, mapa, holter, eletroencefalograma, eletromiografia, raio-X, eletrocardiograma, endoscopia, colonoscopia, entre outros.

O diretor geral da Policlínica em Simões Filho, Fernando Failla, informou que a unidade é a primeira a oferecer o serviço de densitometria óssea. “Esse exame é realizado para medir a condição óssea das pessoas. A nossa ressonância magnética também está preparada para fazer um exame de coluna e de corpo inteiro”, ressaltou.

Aos 25 anos, o atendente William França tem, na Policlínica, a sua primeira oportunidade de emprego formal. “Eu procuro emprego há muito tempo, desde que eu completei 18 anos. Estudei bastante, fiz essa seleção e conquistei a tão sonhada aprovação. Hoje, eu me sinto honrado em trabalhar para o Estado, fazendo parte do SUS, melhorando o atendimento ao cidadão. Eu sinto que esse é um degrau muito importante na minha vida”.

Como fazer a marcação de exames e consultas

Para realizar as consultas das diversas modalidades existentes na Policlínica os moradores de Simões Filho e demais cidades da Região Metropolitana devem procurar a Secretaria de Saúde de seus respectivos municípios levando documentos de identificação com foto e a requisição com a solicitação do exame.

Em Simões Filho, de acordo com informações da Secretaria da cidade, a marcação já teve inicio desde a quinta-feira 28, e seguirá ocorrendo a partir de segunda-feira 2. Para realizar as marcações os moradores da cidade devem procurar a funcionária Carolina Diniz  na sala da Regulação que funciona no prédio da secretaria.

A Policlínica esta localizada no Centro Industrial de Aratu (CIA), no prédio onde funcionava a antiga Secretaria da Fazenda do Estado, na mesma rua de acesso ao Banco do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.