O vereador Sabá (PV) apresentou Projeto de Indicação solicitando ao prefeito ACM Neto a instituição do curso de libras aos cobradores de ônibus, podendo ser estudada a viabilidade do projeto ser ministrado pela APADA-BA (Associação de Pais e Amigos de Deficientes Auditivos do Estado da Bahia) ou pelo Centro de Surdos da Bahia.

O objetivo do PI é tornar Salvador uma cidade mais acessível. Além disso, possibilitar aos deficientes auditivos uma comunicação mais rápida com os cobradores, para solução de eventuais problemas que possam ocorrer dentro do coletivo.

Segundo o IBGE, no Censo realizado em 2010, cerca de 9,7 milhões de brasileiros possuem deficiência auditiva, o que representa 5,1% da população brasileira. O censo também revelou que 6,7 milhões estão concentrados nos centros urbanos, ou seja, nas capitais.

“É importante implementarmos políticas públicas voltadas às pessoas com alguma deficiência”, frisou Sabá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.