Manifestantes se reuniram, neste sábado (7), na Estrada do Coco, BA-099, na altura de Abrantes, em Camaçari, e pediram maior atenção da Concessionária Litoral Norte (CLN) à região. De acordo com o grupo, o local tem baixa iluminação e muitos animais na pista, o que tem causado grande número de acidentes, inclusive com mortes.

O protesto, que aconteceu por volta das 7h, chegou a causar retenção de 900 metros, com manifestantes carregando cartazes com frase como “os moradores do Parque São Jorge gritam por socorro” e “chega de acidentes; queremos passarelas”. Além da CLN, eles criticaram a atenção dada pela prefeitura de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), e pediram ao governo do Estado obras de alargamento da BA-099.

Por meio de nota, a Concessionária Litoral Norte “esclarece que tem mantido diálogo com os moradores da região, e que deverá se reunir com outros órgãos da administração pública, como a Agerba – agência que regula e fiscaliza as atividades da concessionária – e a Prefeitura de Camaçari, com o objetivo de discutir as questões da localidade e os respectivos responsáveis”. 

Durante todo o protesto, equipes da  CLN e da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) estiveram no local. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.