Militantes de movimentos sociais ligados ao PT prometem fazeram uma greve de fome contra a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O protesto será deflagrado no fim deste mês e tem o respaldo da direção do partido. Os militantes estão revoltados com as seguidas derrotas do petista no Supremo Tribunal Federal e os sinais de que a presidente da Corte, Cármen Lúcia, não vai pautar ações que pedem a revisão da prisão de Lula. Segundo a coluna Painel, do jornal Folha de São Paulo, o PT planeja também entregar um abaixo-assinado a tribunais superiores em 15 de agosto, quando haverá ato para o registro da candidatura de Lula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.