deputada federal Alice Portugal (PCdoB) apresentou um requerimento na Câmara dos Deputados para convocação do ministro da Educação do Governo Bolsonaro, Abraham Weintraub, para explicar os novos cortes na pasta. 

O governo federal anunciou semana passada o bloqueio de R$ 1,4 bilhão no Orçamento federal deste ano. Deste montante, o MEC (Ministério da Educação), terá o corte de R$ 348 milhões. O governo já cortou verba destinada à Educação, no início da gestão, de R$ 37,3 milhões da UFBA. 

“Hoje estou dando entrada no requerimento de convocação do ministro Abraham Weintraub e solicitação de audiências em todas a universidades estaduais da Bahia, para que nós possamos ter in loco todos os prejuízos que eles têm demandando às universidades que podem fechar o ano sem dinheiro para os custeios básicos”, confirmou a parlamentar, em conversa com o BNews, na manhã desta quinta-feira (1), em Vitória da Conquista, durante inauguração da Policlínica.  

A parlamentar considerou ainda a gestão do governo federal como um “processo de desconstrução do Estado”. “Infelizmente o processo de desconstrução do Estado brasileiro e do sistema educacional está a passos largos, eu diria a galope. O projeto Future-se pode ter a sinonímia de Vire-se, porque na verdade empurra as universidades a buscar a recursos na iniciativa privada e não devolve o que eles cortarem”. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.