Homologado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Fux há meses, o acordo de delação premiada de Dalva Sele Paiva, dona da ONG Instituto Brasil, aguarda o aval da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, de acordo com a revista Veja. Caso a delação seja fechada, poderá implicar vários nomes do PT baiano. 

Dalva ficou conhecida após acusar políticos petistas de receber recursos federais destinados a programas habitacionais no estado, durante a campanha de 2014. (metrto 1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.